2016

2016

quarta-feira, 12 de dezembro de 2012

HAMILTON - INTERNACIONAL - 1972 / 1976

Na postagem de 05/02/2012 apresentamos um compacto simples, lançado em 1967, pela RCA Victor,  com músicas do desconhecido cantor Hamilton. Nela comentamos que esse cantor também tinha lançado nos anos 1970, músicas com interpretações em inglês. Posteriormente, se dedicou a trbalhos em estúdios de gravação.
Agora tendo em mãos esse material, apresentamos uma compilação dessa antologia internacional, lançada durante o período de 1972 a 1976, provavelmente pela gravadora CBS, com o selo Epic. Ao ouvir essas canções podemos destacar a qualidade da interpretação das mesmas.
É uma pena que não ter mais informações a respeito da carreira desse cantor tampouco dessas gravações. Inclusive não há material gráfico e/ou fotos. Para a montagem da parte gráfica do material postado, ficamos restrito a capa do compacto de 1967. Fica aqui o desafio para os amigos do blog pesquisarem e repassar aos curiosos de plantão. As músicas dessa compilação são:
1. Baby don't cry; 
2. Tell me once again; 
3. Woman; 
4. Rocket man; 
5. Music and me; 
6. Everybody's got something to hide; 
7. for once my life; 
8. My dreams are getting true; 
9. The last call (L'ultima telefonata); 
10. Skyline pigeon; 
11. We gotta know; 
12. Me and Mrs, Jones; 
13. Zing went the strings of my heart; 
14. Dream; 
15. I'm on your side; 
16. I'm going away; 
17. Shame, shame, shame; 
18. Black is black; 
19. I've been hurt; 
20. Let's twist again; 
21. Wooly bully; 
22. My pledge of love; 
23. Listen to the music; 
24. A whiter shade of pale; 
25. Do you wanna dance.









3 comentários:

  1. Gostaria de fazer uma pequena correção: a data do único compacto de Hamilton pela RCA Victor é 1964 (foi um grande sucesso, principalmente a "Eu vou falar com seu Papai". Ele ainda teve um outro compacto lançado pela Polydor em 1968 ("As Luzes se apagaram" / "Anjinho"). O curioso é que (inclusive na Internet, YouTube) o cantor Hamilton é sempre confundido com Hamilton di Giorgio, um seu contemporâneo. Mas, seus discos nos anos 60 são apenas esses dois acima citados. Foi uma surpresa para mim tomar conhecimento desses registros por Hamilton como "ghost singer" como foi moda nos anos 70, no Brasil. Eu jamais poderia reconhecer a sua voz, bastante alterada para adaptar-se a esse tipo de repertório. Valeu, mesmo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Druca
      Obrigado pela contribuição. Já alterei na postagem o ano de lançamento do compacto da RCA Victor, pois foi o ano de 1967 foi repassado por um amigo que tem uma loja de discos usados.
      Vai outra surpresa...Além dos compactos simples de 1964 e 1968, ele lançou um compacto pela selo Epic, no ano de 1973. Aproveito para postá-lo.
      um abraço e obrigado pelo apoio ao blog.
      Hedson LaPlaya

      Excluir
  2. Caríssimo Hedson La Playa: Esse CD de Hamilton, parece-me que não é do próprio. Há gravações do grupo de estúdio "Década Explosiva", selo EMI e todos sabemos que se tratava de The Fevers com vocais de Luiz Cláudio. Talvez seja interessante rever essa informação... Abs.

    ResponderExcluir