2017

2017

domingo, 30 de julho de 2017

PLATINUM ROCK - KTEL - VARIOUS ARTISTS - 1995

A postagem de hoje é uma compilação de rock dos anos 1970 editado pela Ktel e lançado em 1995, nos Estados Unidos. 

Sem muita pretensão, o disco apresenta alguns clássicos do rock daquela época. Destaco as canções Can't get enough, do Bad Company, These Eyes, do Guess Who e a famosa Sweet home Alabama, do lendário Lynyrd Skyrnyrd. 

A limitada seleção é composta das seguintes canções:

1. Dont bring me down (Electric Light Orchestra - ELO);
2. You ain't seen nothing yet (Bachman-Turner overdrive - BTO);
3. Can't get enough (Bad Company);
4. Funk #49 (The James Gang);
5. Evil ways (Santana);
6. Sweet home Alabama (Lynyrd Skyrnyrd);
7. These Eyes (Guess Who);
8. Radar love (Golden Earring);
9. Evil Woman don't play your games with me (Crow);
10. Slow ride (Foghat). 



















Links:







quinta-feira, 27 de julho de 2017

O MELHOR DO CINEMA - VARIOUS ARTISTS - 1990

Mais uma coletânea de trilhas sonoras de filmes. Neste ano, é a terceira compilação que postamos.

Desta vez, apresentamos um álbum lançado no Brasil, em 1990, pela gravadora Polygram, com o selo Polydor. 

Dessa seleção eu destaco as canções Is it okay I call you mine, de Paul McCrane, que foi veiculada na propaganda das calças Staroup, em 1981, Donna, com os Los Lobos, tema principal do filme La Bamba, Lady, lady, lady, de Joe Esposito do filme Flashdance, a antológica Eye of the tiger, do grupo Survivor,  do filme Rocky, as famosas trilhas do dance music, Stayin' alive e night fever, dos Bee Gees e a ótima trilha do filme Expresso da Meia Noite, de Giorgio Moroder.

É pra matar a saudade e pena que são apenas 11 faixas. A seguir a lista das músicas dessa compilação:

1. Stayin' alive (Bee Gees);
2. Lady, lady, lady (Joe Exposito);
3. Is it okay if I call you mine? (Paul MacCrane);
4. Donna (Los Lobos);
5. Fame (Irene Cara);
6. Last dance (Donna Summer);
7. Eye of the tiger (Survivor)
8. Night fever (Bee Gees);
9. Breakin'...there's no stoping us (Ollie & Jerry);
10. If I can't have you (Ivonne Elliman);
11. Theme from Midnight Express (Giorgio Moroder).






















Propaganda Staroup 1981
Is it okay I call you mine, de Paul McCrane,

Links:







quarta-feira, 26 de julho de 2017

HENRY POLLACK - UM SHOW DE VIOLINO - 1995

Para um violinista que em seus últimos tempos tocava nas ruas das cidades do Brasil, principalmente Curitiba, Henry Pollack teve uma discografia extensa. Cada dia descubro mais alguma coisa de sua obra.

Desta vez, mais um álbum dos anos 1990, com uma seleção variada em estilos. O disco foi gravado nos Estúdios Isaec e Focus, sob arranjos musicais de Henry Pollack e maestro Wilson Dobbins Barbosa. 

Em minha opinião, os destaques são as canções Vermelho e Borbulhas de amorA compilação é composta das seguintes músicas instrumentais:

1. Gipsy (Música cigana);
2. Perhap's love;
3. Vermelho;
4. Não chores por mim Argentina;
5. Borbulhas de amor;
6. Não se vá;
7. Castelhana (Música gaúcha);
8. Dom Juan de Marco (Theme from Don Juan);
9. Festa de peão (Country);
10. Tudo por amor;
11. Grandes valsas de Strauss;
12. Sem medo de ser feliz;
13. Danças ciganas;
14. Unchained melody (Theme from Ghost);
15. Brasileirinho;
16. Estoy enamorado;
17. Amigos para siempre.













Links:







terça-feira, 25 de julho de 2017

JESSÉ - O INESQUECÍVEL - 2002

Nesta postagem, apesar de pouco lembrado, resgato um dos maiores cantores do Brasil, cujo nome era Jessé.

Jessé Florentino dos Santos, nascido em Niterói, Rio de Janeiro, no ano de 1952 e falecido em Ourinho no dia 29 de março de 1993, teve morte prematura em acidente de automóvel, com apenas 40 anos de idade, que chocou todo o país.

Jessé era um artista talentosíssimo, dono de uma voz privilegiada. Criado em Brasília, mudou-se para São Paulo já adulto, onde atuou como crooner em boates e nos grupos “Corrente de Força” e “Placa Luminosa”, animando bailes em todo o Brasil.

Ainda nos anos 1970, cantou e gravou em inglês com o pseudônimo de Tony Stevens, onde foi moda, cantores brasileiros cantarem em inglês, tais como Fabio Jr, Dave McClean, Michael Sullivan, Crystian, Terry Winter, e outros da época.

Mas foi com a canção Porto solidão, composição de Zeca Bahia e Ginko, no Festival MPB Shell, da TV Globo, em 1980, que ele se revelou para todo o país, ganhando com justiça o prêmio de melhor intérprete.

Em 1983, ganhou o XII Festival da Canção Organização (ou Televisão Ibero-Americana), realizado em Washington, com os prêmios de melhor intérprete, melhor canção em melhor arranjo para Estrelas de papel, de Jessé e Elias Andreato.

De voz muito potente, no decorrer de sua carreira, Jessé gravou 12 álbuns. O disco destaque foi “Um sorriso ao pé da escada”, feito ao vivo no Tuca de São Paulo em 1983, sendo este o quarto dos doze álbuns de sua carreira.

Certamente, tão cedo, não teremos um intérprete de voz tão privilegiada, afinada, possante e de rara beleza como a dele!

O álbum da postagem é uma bela compilação dos seus melhores sucessos, lançado no Brasil, pela gravadora Som Livre, em 2002, contendo as seguintes músicas.

1. Voa liberdade;
2. Porto solidão;
3. Onde está você;
4. Campo minado;
5. Alguém cantando;
6. Solidão de amigos;
7. Romaria;
8. Ser estranho;
9. A noite de meu bem;
10. Eu te amo;
11. Paraíso das hienas;
12. Chão de estrelas;
13. Concerto para uma só voz;
14. Como nossos pais.

Bônus:
15. If You could Remember (Bonus)


















Links:






segunda-feira, 24 de julho de 2017

GIANE - NÓS SOMOS IGUAIS - 1969 - REPOST

A pedido do amigo Samuel, reapresentamos o álbum "Nós Somos Iguais", da cantora Giane, que tinha sido postado em janeiro de 2012.

Eu estava segurando esta postagem, pois esperava obter um material gráfico melhor. O que tenho disponível não está muito bom. Entretanto, compensei na melhoria da qualidade do áudio Mp3, que antes era 256 bps e agora foi digitalizado com 320bps.

O álbum foi lançado no Brasil, em 1969, pela gravadora Chantecler. O destaque desse disco foi a música Viva a Vida, sendo muito tocada nas rádios da época. 

A seleção deste disco é composta das seguintes canções:

1. Somos iguais; 
2. Sonhos de verão; 
3. Canto triste; 
4. Tão só, também; 
5. Les ballons; 
6. Gosto de você; 
7. Tempo de brinquedo; 
8. Viva a vida; 
9. Como dizer adeus; 
10. Nosso canto; 
11. Um novo amor; 
12. Sempre estarei perto de ti.














Links:






segunda-feira, 17 de julho de 2017

TERRY WINTER - WE CAN'T MAKE LOVE TONIGHT - 1974 - REPOST

O álbum que estava na fila para repostagem é "We Can't make love Tonight", de Terry Winter, na verdade Thomas William Standen, nascido em 08/05/1941, que vinha de uma carreira nos anos 1960, onde utilizava o nome de Tommy Standen. 

Esse cantor e compositor surgiu na Jovem Guarda e teve músicas gravadas pelos cantores Nilton Cesar e Ronnie von. Seus discos iniciais, sem muito sucesso, foram lançados pela gravadora RCA, intitulados “O Quente – 1966” e “A Varanda – 1967” (Veja postagem anterior 13/02/2012).
Ao se tornar Terry Winter tudo mudou. Fez grande sucesso interpretando músicas próprias, tais como, You Notice Me, Our Love Dream e o grande sucesso Summer Holiday, sendo destaque também e outros países.

Após essa onda de músicas brasileiras em inglês, ele ainda atuou, principalmente como compositor sertanejo, assinando como Chico Valente e obtendo vários sucessos, tais como Sonho de Um Caminhoneiro, Mãe De Leite, ambas gravadas por Milionário e José Rico, Convite de Casamento, gravada por Ataíde e Alexandre, Meu Velho Amigo, por Tonico e Tinoco e o tema de abertura da novela “Rei do Gado”, da Rede Globo. 
Em 1975 a 1976, atuou como ator em algumas ocasiões, como na novela, “A Viagem”, de Ivani Ribeiro, produzida e exibida pela extinta TV Tupi, de São Paulo. Também consta participações em gravações de estúdios e de singles infantis. Terry Winter faleceu em 23/09/1998.

O disco álbum "We Can't Make Love Tonight", que traz como destaque a canção de mesmo nome, foi lançado no Brasil, em 1974, pela gravadora RCA Eletrônica. 

As músicas que compõem esse álbum são as seguintes:

1. We can't make love tonight;
2. Be my love;
3. Fahrenheit 32º;
4. Nightmares;
5. Love making;
6. Highway home;
7. Tropical sun;
8. Why I know why (You cuddle close and sigh);
9. Godess of love;
10. Tomorrow once more;

quarta-feira, 12 de julho de 2017

LOS NUEVOS ROMÃNTICOS DE CUBA - MÚSICAS DE SEMPRE - 1983 - REPOST

Conforme solicitação, reapresentamos o álbum Los Nuevos Românticos de Cuba, lançado em 1983, pela gravadora Fermata, sob licença da Lanton Comercial Edições. 

Provavelmente, é mais um disco meramente comercial, que se espelha no sucesso da Orquestra Românticos de Cuba. 

Na primeira vez que postamos, não tínhamos nenhuma informação a respeito desse disco. Recentemente, um amigo anônimo nos forneceu a ficha técnica, a seguir informado:

Coordenação geral: Vanderlei Zan
Técnicos: Gilberto Rosmaninho e Toninho Cruz
Produtor fonográfico: Camel Records (Miami)
Direção artística: Moris Roice
Arranjos / Regência: Requinto Gonzales
Produtor executivo: Joe Silverstein
Gravado nos estúdios: Criteria (Miami - 16 canais) Sonofux (Buenos Aires)
Mixagem: Record Plant (USA).

As músicas que compõem a seleção desse álbum são as seguintes:

1. And I love her / The shadow of your smile;
2. Woman in love / A star is born;
3. Only you / La playa;
4. How deep is your love / Los enamorados;;]
5. Raindrops keep fallin' on my head / Alone again;
6. The dog of the blue / Forever and ever
7. Champagne / Volare;
8. Feelings / Love is a many splendored thing;
9. Close to you / My way;
10. There's a kindk of hush / Just the way you are;
11. Perfidia / La bamba;

segunda-feira, 10 de julho de 2017

MOVIE MUSIC - VARIOUS ARTISTS - 1993

Na onda da último postagem, apresentamos mais uma coletânea de trilhas sonoras do cinema. Desta vez, trata-se do disco Movie Music, lançado no Brasil, pela gravadora Warner Music - WEA. 

A compilação traz duas faixas já apresentadas em nossa postagem anterior. Mas, há outras que valem a pena ouvir. Em minha opinião, existem três registros que já valem o disco. Posso citar: Kokomo (The Beach Boys), When a man loves a woman (Bette Midler), que não se compara com o original Percy Sledge e a fantástica Cinema Paradiso (Ennio Morricone).

As músicas dos respectivos filmes que compõem essa seleção são as seguintes:

1. Arthur's theme - Christofer Cross (do filme Arthur, o milionário);
2. Summer breeze - Seals & Crofts (do filme Strawberries of bitterness);
3. Knockin' on heaven's door - Randy Crawford (do filme Máquina mortífera);
4. Silent running - Mike & The Mechanics (do filme Dois tiras em apuros);
5. It might be you - Stephen Bishop (do filme Tootsie);
6. Kokomo - The Beach Boys (do filme Cocktail);
7. Glory of love - Peter Cetera (do filme Karatê Kid II);
8. Feel like makin' love - Roberta Flack (do filme Outro amor);
9. Theme from St. Elmo's Fire - David Foster (do filme O primeiro ano de nossas vidas);
10. Stand by me - Ben E. King (do filme Conta comigo);
11. When a man loves a woman - Bette Midler (do filme A Rosa);
12. Cinema Paradiso - Ennio Morricone (do filme Cinema Paradiso). 














Links:







sábado, 8 de julho de 2017

SOUNDTRACKS - THE VERY BEST THEMES - VARIOUS ARTISTS - 1994

Filme sem trilha sonora, não é filme. A música tem o poder de transformar uma película fraca em um filme agradável e as vezes o torna grandioso. 
Temos visto compositores e intérpretes que se especializaram nesse tipo de música e alguns ficaram tão famosos quanto o filme que participaram.

Nesta postagem, apresentamos um álbum que contém um fragmento das inúmeras trilhas existentes. Dessa coletânea, eu destaco a trilha sonora do filme 1492, chamada Conquest of paradise, de Vangelis, que considero um primor de trilha.  

Esse disco foi lançado no Brasil, em 1994, pela gravadora WEA, e contém as seguintes trilhas e respectivos filmes:

1. Paris Texas - Ry Cooder (do filme Paris, Texas);
2. Blade Runner Theme - New American Orchestra (do filme Blade Runner);
3. Two hearts - Phil Collins (do filme Bustler);
4. The Rose - Bette Midler (do filme The Rose);
5. The Fugitive Theme - James Newton Howard (do filme The Fugitive);
6. The Living Daylights - A-Há (do filme 007 - Licence to Kill);
7. Arthur's Theme - Christopher Cross (do filme Arthur's);
8. Separate lives - Phil Collins & M. Martin (do filme White Nights);
9. I'm Gonna Lose You - Simply Red (do filme Frantic);
10. Twin Peaks Theme - Angelo Badalamenti (do filme Twin Peaks);
11. Respect - Aretha Franklin (do filme Forrest Gump);
12. Everybody Needs Somebody - The Blue Brothers (do filme The Blue Brothers);
13. Theme From JFK - John Williams (do filme JFK);
14. Dark moon - Chris Izaak (do filme A Perfect World);
15. Dueling Banjos - Eric Weissberg (do filme Deliverance);
16. Fretless - REM (do filme Until The End of The World);
17. Stand by me - Ben E. King (do filme Stand by me);
18. Conquest of Paradise - Vangelis (do filme 1491 - Christophe Colomb).














Links:






 

quarta-feira, 5 de julho de 2017

AMOR DECLAMADO - COLETÂNEA NACIONAL - 2013 - REPOST

A pedido do amigo Demerval, repostamos o disco intitulado "Amor Declamado", que foi lançado em 2013, pela  CD4, de Caucaia, Ceará, sob licença da Master Som Records, contendo várias canções antológicas dos anos 1970.

É uma compilação que resgata registros, até então não agrupados, de canções declamadas, fato muito comum e tocada intensamente, naquela época, nas rádios que detinham programas populares.

Nesses registros, vários atores e cantores declamaram palavras de amor que retratavam as paixões, pensamentos, desilusões e perdas. Certamente, muitas pessoas tiveram empatia com essas canções ao viver os seus amores e paixões. 

Nesta seleção é possível ouvir: Cid Moreira, Barros de Alencar, Francisco Cuoco, Tarcísio Meira, Roberto Barreiros, Jerry Adriani, Gilberto Reis, George Freedman, Amado Batista, Eli Correa, Moacyr Franco, Altieres Barbiero e até Roberto Carlos.

O álbum contém as seguintes músicas:

1. Desiderata (Cid Moreira);
2. Soleado (Francisco Cuoco);
3. Amar é viver (Altieres Barbiero);
4. Não tenho culpa de gostar de você (Gilberto Reis);
5. O reencontro (Tarcísio Meira);
6. Ainda gosto muito de você (Roberto Barreiros);
7. Não quero ver você triste (Roberto Carlos);
8. Noites (Barros de Alencar);
9. Por teu amor (Jerry Adriani)
10. Patrick meu amor (Marcos D. / Maria Izabel de Lizandra);
11. Correio Sentimental (George Freedman);
12. Pensando em você (Amado Batista);
13. Prometemos não chorar (Barros de Alencar);
14. Meu amor - Monia (Barros de Alencar);
15. O rompimento (Tarcísio Meira);
16. Patricia (Moacyr Franco);
17. 120...150...200 km por hora (Roberto Carlos);
18. Amor, meu grande amor (Eli Correa);
19. Eu gosto tanto de você sabia (Roberto Barreiros);
20. Gosto que me falem de amor (Cid Moreira);
21. Estou apaixonado por você (Eli Corrêa);
22. Apenas 3 minutos (Barros de Alencar).













Links:






sábado, 1 de julho de 2017

JAZZ FOR LOVERS SUPERMIX - VOLUME 1 - 2012

Sei que nem todos apreciam canções no estilo jazz. É raro postarmos material a respeito no blog. Entretanto, não podemos deixar de considerar que é música do mais alto nível. E justamente para aqueles gostam, assim como eu, fiz uma compilação, que costumo ouvir no meu carro e acredito que muitos apreciarão.

Além da seleção de 23 grandes intérpretes e canções desse estilo, estou incluindo uma versão condensada remixada com todas as faixas, que elaborei para ouvir direto no trânsito. Espero que gostem.

 01. Dinah Washington - Unforgettable
02. John Coltrane - Nancy (With The Laughing Face)
03. George Shearing - The Nearness Of You
04. Laura Fygi - Dream A Little Dream Of Me
05. Stan Getz - Moonlight In Vermont
06. Sarah Vaughan - That's All
07. Shirley Horn - Do It Again
08. Ella Fitzgerald - My Melancholy Baby
09. Erroll Garner – Misty
10. Louis Armstrong - We'll Be Together Again
11. Clifford Brown - Smoke Gets In Your Eyes
12. Monty Alexander - For Sentimental Reasons
13. Nina Simone - What More Can I Say
14. Chet Baker - The Touch Of Your Lips
15. Ben Webster - My Funny Valentine
16. Blossom Dearie - Lover Man
17. Billie Holliday - April In Paris
18. Oscar Peterson – Dreamsville
19. Al Jarreau - My Foolish Heart
20. Natalie Cole - Tell Me All About It
21. Paul Brown - Ain't No Sunshine
22. Antonio Carlos Jobim – Meditation
23. Marcos Valle - Safely In Your Arms

Bônus:
24. Jazz For Lovers (23 songs remix)









Links: