2017

2017

sábado, 14 de outubro de 2017

PAPI GALAN - JOVEM HARPA (1970)

Esta postagem é interessante e rara. Tratas-se de um álbum que mostra versões de canções de Jovem Guarda, tocadas em harpa, por Papi Gala, no disco "Jovem Harpa", lançada no Brasil em 1970, pela pequena gravadora MusiColor. 

Adolfo Bernal, mais conhecido como Papi Gala, nasceu em Puerto Guarani, Chaco paraguaio, no ano de 1939.

Em tenra idade veio com sua mãe para viver em Assunção. Começou sua carreira musical aos 12 anos, fazendo “mate e tereré”, enquanto seu tio, Virgilio Perez tocava harpa e violão.

Ele era admirador apaixonado por seu tio, e, inadvertidamente, aprendeu a tocar harpa, graças ao “mate e tereré”. Logo seu tio viajou para o Brasil e Papi ficou praticando a harpa. Em apenas seis meses, formou um trio com seus amigos do bairro para sair em serenatas.

Após o serviço militar, viajou para São Paulo, Brasil para trabalhar com Thrushes Guarani do Grupo, onde seu tio era um membro como cantor e guitarrista. No Brasil, trabalhou por 10 anos, gravou vários álbuns e teve bastante sucesso.

Além de vender muitos discos, trabalhou e gravou com Luis Bordon, famoso pelos seus discos de músicas de natal. Também atuou com o Trio Cristal, e a famosa Ponta Set Mestre Porá Herminio Giménez, cobrindo grande parte do Brasil, em especial na área de Mato Grosso.

Depois de viajar para a Europa, onde trabalhou por 20 anos, cobrindo todos os países europeus, a partir de Ilhas Canárias para a Finlândia, tendo residência fixa na Suíça, atuando em grandes hotéis e restaurantes.

Aos 50 anos, decide voltar para o Paraguai, formando uma nova família e construir a sua própria casa, em Assunção, onde vive atualmente. No porão de sua casa tem um estúdio de gravação, e no 1º andar tem uma pequena oficina onde em seu tempo livre constrói harpas e guitarras, fazendo várias inovações na harpa e violão.

Atualmente é professor do Conservatório Nacional de Assunção e também para a instituição Autores Paraguaios Association (APA).

Papi Galan costuma viajar uma vez por ano para visitar o seu filho e respectivo grupo musical, na cidade de Campo Grande/MS, Brasil, como convidado do Conservatório daquela cidade.

Entre a sua obra musical que mais gosta é o de fazer arranjos orquestrais da música paraguaia e criar composições. Em sua carreira musical participou de inúmeras gravações com artistas nacionais e internacionais de renome.

O material que estamos disponibilizando nesta postagem, tem limitações de qualidade de áudio, principalmente na primeira faixa, devido ao estado deplorável que estava o disco que serviu de fonte. No entanto, acredito que, mesmo assim, vale para conhecê-lo.

A seleção do disco é composta das seguintes canções:

1. Canzone per te;
2. Alegria, alegria;
3. Pic-nic;
4. Namoradinha de um amigo meu;
5. Estou feliz (Puppeton a string);
6. Só vou gostar de quem gosta de mim;
7. E por isso estou aqui;
8. Como é grande o meu amor por você;
9. Eu daria a minha vida;
10. Coisinha estúpida (Something stupid);
11. Coração de papel;
12. Fiquei tão triste.




















Papi Galan e sua harpa

Links:






7 comentários:

  1. Não conhecia este álbum do Pepe Galan. Deve ser bem interessante. Já vou baixar. Muito obrigado. Abraços

    ResponderExcluir
  2. Corrigindo: Papi Galan, e não Pepe (rs)

    ResponderExcluir
  3. Campo Grande fica no estado de MS (Mato Grosso do Sul) sendo sua capital e não MT (Mato Grosso).

    ResponderExcluir
  4. Parabéns!!! Muito bom. Tem um outro álbum dele que tem "irmãos coragem", "airport love theme", "fumacê", etc... lembro de ouvir no toca fitas do carro do meu pai quando eu era criança. Não sei se você tem esse?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Antonio
      Bem lembrado. Eu estou procurando. Assim que obter, posarei. Um abraço e agradeço o contato.
      Hedson

      Excluir
    2. Abraço Hedson! Tenho alguns LP's digitalizados em casa, todos em MP3. Se houver interesse posso lhe enviar por email. Vou lhe passar a relação,

      Excluir