2020

2020

terça-feira, 31 de dezembro de 2019

FESTIVAL DE YÊ YÊ YÊ - VOLUME 2 - VÁRIOS ARTISTAS (1968) REPOST

Como última postagem do ano, a pedido, reapresento o álbum "Festival de Yê Yê Yê - Volume 2", que de forma inédita tinha sido postado aqui no blog, em outubro de 2014. 

Em uma das feiras de música que participei lá pelos idos de 2014, encontrei essa raridade da época do movimento Jovem Guarda, contendo bandas e artistas que eu nunca ouvi e nem tampouco obtive informações a respeito deles. A única informação foi a que estava contida na contracapa do próprio disco, escrito por Braz Baccarin. 

Trata-se do álbum "Festival de Yê Yê Yê - Volume 2", lançado no Brasil, em 1968, pela gravadora Chantecler, com o selo (label) Rosicler. De acordo com as informações no disco, tratava-se de um registro musical da passagem do 15º aniversário de emancipação política da cidade Paranavaí, no Estado do Paraná, patrocinado pela prefeitura local.

Se referia a um concurso (festival) aberto a cantores e bandas, que na época eram chamados de conjuntos musicais, permitindo a inscrição de todos os amadores e profissionais da região.

Nessa ocasião, representantes de mais de 100 cidades paranaenses participaram desse evento. A prova finalista foi realizada em 09 de novembro de 1967, sagrando-se vencedores as bandas The Marvel's (da cidade de Paranavaí), The Singer's (da cidade de Arapongas)  e Os Dragões (da cidade de Cornélio Procópio), além do cantor Wilson Caet (da cidade de Arapongas) e a cantora Elza Maria (da cidade de Paranavaí). 

Assim como prêmio maior, foi gravado esse álbum com esses artistas locais finalistas, permitindo que ficasse o eterno registro daquele fragmento do tempo. O que é interessante nesse registro é verificar que havia potencial nesses grupos, inclusive superiores a alguns grupos mais conhecidos da mídia que tiveram mais oportunidades e até sucesso. 

Como destaque, o design da capa, elaborado em 1967, por Yvete Ko. A seleção do disco é composta com as seguintes músicas e respectivas interpretações:

1. Sangue e areia (The Marvel's);
2. Juntinho de mim (The Singer's);
3. India (Os Dragões);
4. Como é grande o meu amor por você (Elza Maria);
5. Reach out I'll be there (Wilson Caet);
6. The happening (Wilson Caet);
7. Olha o que você me fêz (The Singer's);
8. Queria (Os Dragões);
9. Minha primeira desilusão (Elza Maria);
10. O milionário (The Marvel's).

sábado, 28 de dezembro de 2019

BILLY VAUGHN - FABULOSO STEREO (1962 BRASIL)

Dando sequência na postagem anterior, apresento mais um álbum da Orquestra de Billy Vuaghn, intitulado "Fabuloso Stereo", que foi lançado no Brasil, em 1962, pela gravadora RGE, pelo selo Dot Records.

Considero um dos meus discos preferidos, com predominância de saxofones e clarinetes. A seguir a lista das canções instrumentais contidas no disco:

01. The Elk's parade;
02. Star dust;
03. Little brown jug;
04. Opus one;
05. Cherokee;
06. Tippin' in;
07. No name jive;
08. A string of pearls;
09. Tuxedo junction;
10. Johnson rag;
11. After hours;
12. Dancing in the dark.
















 Selo (Label) - Versão 1 - Edição Brasil 1962





 Selo (Label) - Versão 2 - Edição Brasil 1962

Links:




quinta-feira, 26 de dezembro de 2019

BILLY VAUGHN - 12 SUCESSOS DE BILLY VAUGHN - VOLUME 3 (1969)

Esta postagem se refere ao álbum da Orquestra de Billy Vaughn, intitulado "12 Sucessos de Billy Vaughn - Volume 3", que foi lançado no Brasil, em 1969, pela gravadora RGE, pelo selo Premier, que visava induzir o comprador, de que era um disco de compilação de sucessos. Entretanto, não era. 

A seleção desse disco foi originalmente lançado nos Estados Unidos, pela Dot Records, em 1964, com o título "Pearly Shells" e no Brasil, em 1965.

A seleção do álbum contava com as seguintes canções:

01. Pearly shells;
02. Peg O' my heart;
03. I cried for you;
04. Everybody loves somebody;
05. A taste of honey;
06. Garota de Ipanema;
07. Maybe;
08. For me and gal;
09. Caravan;
10. Moonlight and shadows;
11. Over the rainbow;
12. Again.






 Capa (Front) LP - Edição Brasil 1969






 Contra Capa (Back Cover) CD - Edição LaPlayaMusic - Brasil 2018






  Selo (Label) LP - Edição Brasil 1969






  Capa (Front) LP - Edição USA 1964





 Contra Capa (Back Cover) LP - Edição USA 1964





Selo (Label) LP - Edição Brasil 1965

Links:




terça-feira, 24 de dezembro de 2019

FELIZ NATAL - MERRY CHRISTMAS 2019

A todos os amigos do blog LaPlayaMusic Oldies que sempre nos prestigiam, apoiam e nos ajudam de alguma forma, desejo um FELIZ NATAL.





SIMPLYACOUSTIC - CLASSIC MELLOW MOODS - VOLUME 4 (2004)

Completando o boxset "SimplyAcoustic - Classic Mellow Moods", hoje postamos o Volume 4, de uma série de quatro discos. 

Da mesma forma que foi apresentado no Volume 1, 2 e 3, quanto aos intérpretes não há menção explícita no encarte de cantores, cantoras ou grupos, havendo apenas a citação de nome de músicos instrumentistas que participaram das gravações. Essa indicação nos conduz a deduzir que são músicos de estúdio.

A seguir a seleção das músicas escolhidas para compor esse álbum, lançado no Reino Unido, em 2004, pela gravadora Union Square Music, com distribuição pela MCPS:

01. Night of passion;
02. Are you ready for love;
03. Amor;
04. The girl from Ipanema;
05. Un homme et une femme;
06. The lady in red;
07. Unchained melody;
08. Norwegian wood;
09. Ave Maria;
10. Canzone;
11. Wild wind;
12. Wave;
13. Still I love him;
14. Boulavogue;
15. Millenium prayer.


















Links:








+++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++

Aprecie os outros volumes do boxset



(Clique Aqui)






(Clique Aqui)







(Clique Aqui)



segunda-feira, 23 de dezembro de 2019

LOS TROPICANOS - VOLUME 11 (1975) REPOST

Tenho recebido muitos pedidos para reapresentar postagens antigas, que por algum motivo ficaram com os links desativados. Infelizmente, devido a perda de um HD externo, não tenho como recuperar todos eles.

Desta vez recupero o Volume 11, da orquestra de estúdio da Odeon, Los Tropicanos, que originalmente foi postado em 19/dezembro/2012. Esse álbum foi lançado no Brasil, em 1975, pela gravadora Odeon, pelo selo Parlophone.

Lamentavelmente, o material de origem se encontrava em péssimas condições, no que se refere ao áudio. Sendo assim, a qualidade de algumas faixas deixou a desejar. 

A seleção de músicas que compõem o álbum  é constituída de sucessos nacionais e internacionais da época, a seguir listadas:

01. We said goodbye;
02. I shott the sheriff;
03. Vamos dar as mãos e cantar;
04. The Higways of my life;
05. É preciso saber viver;
06. Feelings;
07. Eu quero apenas;
08. Kung fu fighting;
09. Noe due per sempre;
10. Excuse-me;
11. Sideshow;
12. Happy man.

















Links:




GORDON LIGHTFOOT - SUNDOW (1974) REPOST

No dia 25 de junho de 2012, postei o álbum "Sundow", do cantor canadense Gordon Lightfoot. Na época a postagem foi decorrente de outra postagem que realizei sobre o cantor Don Mclean, que em linhas gerais tem um estilo semelhante, na criação de grandes canções, do tipo folk, country e rock. Também incluo nessa linha o cantor Jim Croce.

Gordon Lightfoot nasceu em Ontário no Canadá, no dia 17/11/1938. Na década de 1950 frequentou a escola em Hollywood, Califórnia, EUA. Retornou para o Canadá nos anos 1960 e iniciou sua carreira musical presentando-se em cafés na cidade de Toronto.

Em 1966, lançou o seu álbum de estréia, intitulado “Lightfoot”. Neste período ficou mais conhecido como compositor para artistas, tais como, Johnny Cash, Elvis Presley, entre outros. Um dos seus singles de maior sucesso, em 1974, foi a canção Sundow. Dois anos depois foi à vez de The Wreck of the Edmund Fitzgerald, uma composição em memória ao naufrágio do graneleiro “SS Edmund Fitzgerald”, ocorrido em 10/11/1975, em um lago.

Entre vários prêmios auferidos, Lightfoot recebeu 15 prêmios “Juno” e foi indicado para 5 “Grammy Award”. Ele está registrado no Canadian Music Hall of Fame e no Canadian Country Music Hall of Fame. Desde 1998, possui uma estrela na Calçada da Fama no Canadá. Em maio de 2003 recebeu a Ordem do Canadá, a mais alta condecoração civil naquele país.

Em 2002, devido a um aneurisma da aorta, Gordon Lighfoot ficou em coma por seis semanas.
Fonte: Wikipedia, dezembro/2019.

Em minha opinião, o álbum que reapresento nesta postagem é considerado um dos melhores da carreira. Trata-se do disco “Sundow”, lançado em 1974, pela gravadora Warner Records, com o selo Reprise, com produção de Lenny Waronker. 

A seleção do disco contempla as seguintes canções e bônus adicionados pelo blog LaPlayaMusic Oldies:

1. Somewhere USA; 
2. High and dry; 
3. Seven island suite; 
4. Circle of steel; 
5. Is there anyone home; 
6. Them watchman’s gone; 
7. Sundow; 
8. Carefree highway; 
9. The list; 
10. Too late for prayin’

Bônus

11. If could read my mind; 
12. Early morning rain; 
13. Cold on the shoulder; 
14. Rainy day people; 
15. Summer side of life






 Capa (Front) LP - Edição Germany 1974






 Contra Capa (Back Cover) LP - Edição Germany 1974





Selo (Label) LP - Edição USA 1974





Inside  CD - Edição Germany






 Contra Capa (Back Cover) CD - Edição Germany 1974




Selo (Label) CD - Edição Germany




Capa (Front) EP - Edição Germany 1974






 Selo (Label) EP - Edição Union Kingdom 1974





Gordon Lightfoot






Gordon Lightfoot - Sundow - Video 




Links:




domingo, 22 de dezembro de 2019

THE BEST OF & THE REST OF HITS OF THE 60's (1992)

O álbum desta postagem contém uma seleção de recortes de músicas e estilos que foram reunidas sem um critério específico. Pelo menos é o que aparenta.

Dessa seleção destacam-se seis canções do cantor, compositor e ator britânico Alan Price, mais conhecido como ex integrante, tecladista, do grupo dos anos 1960, The Animals. 

O álbum foi lançado na comunidade Européia, em 1992, pela Actions Replay Records, com o selo MCPS e contém as seguintes canções:

01. Tribute to Buddy Holly (Mike Berry);
02. I put a spell on you (Alan Price);
03. Take a heart (Sorrows);
04. Hi Lilli Hi Lo (Alan Price);
05. That's nice (Neil Christian);
06. Simon smith & his amazing dancing bear (Alan Price);
07. My friend Jack (Smoke);
08. The house that Jack built (Alan Price);
09. 007 (Desmond Dekker);
10. Shame (Alan Price);
11. Train to Skaville (Ethiopians);
12. don't stop the carnival (Alan Price);
13. Israelites (Desmond Dekker);
14. Red red wine (Tony Tribe);
15. It mek (Desmond Dekker);
16. Dollar in the teeth (Upsetters);
17. Long shot kick de bucket (Pioneers);
18. Return of Django (Upsetters);
19. Liquidator (Harry J. Allstars);
20. Wonderful world beautiful people (Jimmy Cliff);
21. Melting pot (Blue Mink).























Links:




sábado, 21 de dezembro de 2019

SIMPLYACOUSTIC - CLASSIC MELLOW MOODS - VOLUME 3 (2004)

Dando sequência na postagem do boxset "SimplyAcoustic - Classic Mellow Moods", hoje postamos o Volume 3, de uma série de quatro discos. 

Da mesma forma que foi apresentado no Volume 1 e 2, quanto aos intérpretes não há menção explícita no encarte de cantores, cantoras ou grupos, havendo apenas a citação de nome de músicos instrumentistas que participaram das gravações. Essa indicação nos conduz a deduzir que são músicos de estúdio.

A seguir a seleção das músicas escolhidas para compor esse álbum, lançado no Reino Unido, em 2004, pela gravadora Union Square Music, com distribuição pela MCPS:

01. Have a nice day;
02. A hard day's night;
03. Hill street blues;
04. Cavatina;
05. Meditation;
06. Baker street;
07. Perfidia;
08. Everything I do (I do it for you);
09. (I've had) the time of my life;
10. Fortune teller;
11. Wonderland land;
12. Peter Gunn;
13. Jota;
14. Taboo;
15. Evening prayer.


















Links:




terça-feira, 17 de dezembro de 2019

BILLY VAUGHN SUA ORQUESTRA E CORO - DISCO DE OURO (1971) REPOST

Atendendo a pedido, reapresentamos a postagem de outubro de 2014, do álbum da Orquestra de Billy Vaughn, intitulado "Disco de Ouro", que foi lançado no Brasil em 1971, pela gravadora RGE-Fermata, com o selo Premier. Esse disco contém 12 músicas que ultrapassaram 1.000.000 de cópias vendidas.
A seleção musical mostra exatamente os sucessos da época, relidos para orquestra e coro, predominando o solo de saxofone. Vale a pena ouvir e conhecer. 

As canções que fazem parte da seleção desse álbum são as seguintes:

1. Theme from Love Story;
2. Airport love theme;
3. Cracklin' Rosie;
4. Midnight comboy;
5. Yester-me, yester-you, yester-day;
6. Raindrops keep falling on my head;
7. Close to you;
8. Come saturday morning;
9. Evil ways;
10. Oh Happy day;
11. Holly holy;

BAND AID - DO THEY KNOW IT'S CHRISTMAS? (1984 / 1989 / 2004) REPOST

Já que estamos na véspera do natal, vamos repostar o supergrupo Band Aid, que apresentamos aqui no blog em dezembro de 2011.

Surgido da união de músicos britânicos e irlandeses, foi organizada em 1984, por Bob Geldof e Midge Ure, com o intuito de arrecadar fundos em prol dos famintos da Etiópia. Para isso lançaram o compacto Do They Know It’s Christmas?, na época do Natal. Produzido por Trevor Horn, o disco logo figurou em primeiro lugar dentre os mais vendidos neste e nos dois lançamentos seguintes.

A fundação de caridade montada para arrecadar o dinheiro foi chamada de "Band Aid Trust". Este projeto acabaria resultando no concerto Live Aid no ano seguinte, que se transformaria em um fenômeno mundial, arrecadando dez vezes mais do que o lucro alcançado com o compacto. O grupo foi reformulado em três ocasiões, sempre apresentando os mais famosos artistas britânicos e irlandeses de canção pop de sua época.

O compacto original foi gravado em um único dia, 25/11/1984 e lançado no Reino Unido 15/12 do referido ano. Em 1989, uma nova formação foi reunida após outra onda de fome na Etiópia. A Band Aid II regravou Do They Know It's Christmas?, e a canção foi novamente a primeira colocada nas paradas britânicas. 

Em 2004, outra formação, chamada de Band Aid 20, gravou mais uma vez o compacto, desta vez para o aniversário de 20 anos do projeto. Apesar de regravar a mesma canção, foi decidido mudar um pouco o estilo musical. Mais uma vez foi um sucesso, alcançando o topo das paradas musicais em 5/12/2004.

A Band Aid original de 1984 consistia dos seguintes músicos:

Adam Clayton (U2); Phill Collins; Bob Geldof; Bono Vox (U2); Steve Norman (Spandau Ballet); Chris Cross (Ultravox); John Taylor (Duran Duran); Paul Young; Tony Hadley (Spandau Ballet); Glen Gregory (Heaven 17); Simon Le Bon (Duran Duran); Simon Crowe (Boomtown Rats); Marilyn; Keren Woodward (Bananarama); Martin Kemp (Spandau Ballet); Jody Watley (Shalamar); Paul Weller (the Style Council & The Jam); James Taylor; George Michael; Midge Ure (Ultravox); Martyn Ware (Heaven 17); John Keeble (Spandau Ballet); Gary Kemp (Spandau Ballet); Roger Taylor (Duran Duran); Sarah Dallin (Bananarama); Siobhan Fahey (Bananarama); Pete Briquette (Boomtown Rats); Francis Rossi (Status Quo); Robert Kool Bell (Kool & The Gang); Dennis J. T. Thomas (Kool & The Gang); Andy Taylor (Duran Duran); Jon Moss (Culture Club); Sting; Rick Parfitt (Status Quo); Nik Kershaw; Nick Rhodes (Duran Duran); Johnny Fingers (Boomtown Rats); David Bowie, Boy George (Culture Club); Holly Johnson (Frankie Goes to Hollywood); Paul McCartney; Stuart Adamson-Bruce Watson-Tony Butler e Mark Brzezicki (Big Country);

Músicas do Compacto Simples, lançado em 1984, pela gravadora Polygram, com o selo Mercury. Continha as seguintes músicas: Lado A - Do they know it's christmas? (Remixed by Trevor Horn); Lado B - Feed the world (standard mix)

A Band Aid II de 1989 consistia dos seguintes músicos: Bananarama; Big Fun; Bros; Cathy Dennis; D Mob; The Pasadenas; Chris Rea; Cliff Richard; Jason Donovan; Kevin Godley; Kylie Minogue; Sonia, Lisa Stansfield; Technotronic; Glen Goldsmith; Wet Wet Wet e Jimmy Somerville.

Já a Band Aid de 2004, continha os seguintes músicos: Midge Ure; Nigel Godrich (Radiohead, Travis); Bob Geldof; Damon Albarn (Blur, Gorillaz); Danny Goffey (Supergrass); Thom Yorke-Jonny Greenwood (Radiohead); Paul McCartney; Francis Healy-Andy Dunlop-Dougie Payne (Travis); Justin Hawkins-Dan Hawkins (The Darkness); Charlie Simpson (Busted); Bono (U2); Daniel Bedingfield; Natasha Bedingfield; Vishal Das; Chris Martin (Coldplay); Dido (cantou em studio na Austrália); Dizzee Rascal; Ms Dynamite; Skye Edwards (Morcheeba); Estelle; Neil Hannon (The Divine Comedy); Jamelia; Tom Chaplin-Tim Rice-Oxley (Keane); Beverly Knight; Lemar; Shaznay Lewis; Katie Melua; Roisin Murphy (Moloko); Feeder; Snow Patrol; Rachel Stevens; Joss Stone; Sugababes; The Thrills; Turin Brakes; Robbie Williams (cantou separadamente em studio nos EUA); Will Young.

As músicas do compacto single em vinyl e do Compact Disc single, lançados no Brasil, respectivamente em 1984, 1989 e 2004, pela gravadora Polygram e posterior Universal, com o selo Mercury. são as seguintes:

01. Do they know it's Christmas? (Band Aid 1984);
02. Feed the world - Standard Mix 1984;
03. Do they it's christmas? (Band Aid 1989); 
04. Do they know it's christmas ? (Band Aid 2004); 






 Capa (Front) Edição 1984 - Compacto Simples EP - Polygram Brasil





Contra Capa (Front) Edição 1984 - Compacto Simples EP - Polygram Brasil





 Selo (Label) Edição 1984 - Compacto Simples EP - Polygram Brasil






 Capa (Front) Edição 2004 - Compacto Disc CD - Universal Brasil






 Contra Capa (Front) Edição 2004 - Compacto Simples EP - Universal Brasil





 Selo (Label) Edição 2004 - Compacto Simples EP - Universal Brasil





 Band-Aid - Bob Geldof





DO THEY KNOW IT'S CHRISTMAS? (Letra)






DO THEY KNOW IT'S CHRISTMAS? (Letra Traduzida)

Links: