2016

2016

sábado, 3 de agosto de 2013

SAINT-PREUX - CONCERTO SAINT-PREUX - 1974

Há um álbum de música clássico contemporânea, que sempre que posso coloco no meu toca disco ou no cd player. Apesar de alguns críticos terem massacrado o disco na época, eu confesso que ouví-lo me faz um bem danado. Assim, acredito que o que vale é o que você sente e não a opinião dos críticos. O disco integra música clássica, com popular e eletrônica. Vale a pena conhecer...

O álbum em questão, é da Orquestra de Saint-Preux, intitulado “Concerto Saint Preux”, que foi lançado no Brasil, em 1974, pela gravadora Copacabana, com o selo DiscAZ, com autorização da gravadora francesa Delphine Records. Posteriormente, em 1987, ele viria a ser lançado em formato Compact Disc – CD, pela gravadora CID, com a mesma capa, porém com sequência e algumas músicas diferentes.

Em minha opinião, são três músicas de destaque desse álbum: Concerto Pour Une Voix (Concerto Para Uma Voz) com a espetacular vocalização de Danielle Licari, Concerto pour piano e Divertissement, com solo de flauta de Michel Plockyn, que nos remete ao grande Vivaldi. Simplesmente maravilhoso...

Mas vamos comentar um pouco sobre esse grande maestro e compositor francês Saint-Preux, nome artístico de Christian Langlade, que nasceu em 1950. Em 1968, ele já tinha lançado alguns discos no formato de 45 rpm, com suas canções, incluindo Une etrange musique (Uma estranha música), que alcançou o 71º lugar no ranking francês de discos daquele ano.

Em agosto de 1969, participou do Festival Internacional da Canção de Sopot, na Polônia, com sua primeira e importante composição chamada La valse de l’enfance (A valsa da juventude). A música foi defendida por Henri Seroka e o próprio Saint-Preux, regendo a Orquestra Sinfônica. Sua música recebeu o prêmio Grand Prix de Presse (Grande Prêmio da Imprensa), no festival e foi lançada no mesmo ano no Festival Seroka e lançada em formato Single, pela gravadora EMI-Odeon. Durante a sua estadia na Polônia compôs, o que veio a ser o seu maior sucesso, o Concerto pour une voix.


Quando Sint-Preux retornou à França, René Boyer, líder da gravadora Fantasia, convenceu-o a gravar Concerto para uma voz. Apesar de escrito originalmente para trompete e cordas, Saint-Preux ouviu a magnífica cantora francesa Danielle Licari ensaiando num outro estúdio e se encantou, decidindo gravá-lo com a sua voz, fazendo parte do trompete, usando uma técnica vocal similar à “Scat singing”, utilizado no Jazz. A canção foi lançada em 1969, com estrondoso sucesso, ‘alavancando’ as carreiras tanto dele, quanto de Danielle Licari (veja postagem da cantora no Blog LaPlayaMusic)

As músicas que compõem o álbum em Long Playing - LP são as seguintes:

1. Concerto pour une voix (Vocal de Danielle Licari);
2. Prelude pour piano (Piano de Saint-Preux);
3. Andante pour trompete (Trompete de Pierre Thibaud);
4. Concerto pour piano (Piano de Saint-Preux);
5. Adagio pour trompete (Trompete de Pierre Thibaud);
6. Divertissement (Flauta de Michel Plockyn);
7. Variations;
8. Sonate vendeenne;
9. Allegro (Piano de Saint-Preux);
10. Harmonies;
11. Impromptu (Piano de Saint-Preux).










 Links:


Nenhum comentário:

Postar um comentário