2016

2016

segunda-feira, 6 de janeiro de 2014

NELSON NED - SELEÇÃO DE OURO - 1997

O cantor Nelson Ned, de 66 anos, morreu na manhã deste domingo, dia 5 de janeiro de 2014, no Hospital Regional de Cotia, em São Paulo. Ele estava internado desde sábado com pneumonia.

Cantor e compositor, Nelson Ned D' Ávila Pinto nasceu em Ubá, no estado de Minas Gerais, em 2 de março de 1947. É talvez o único cantor anão do Brasil e o mais famoso da América Latina.

Deu os primeiros passos na música com o auxílio da mãe. Foi tentar a sorte no Rio de Janeiro no início dos anos 1960. Lá, encontrava-se frequentemente com os irmãos Lô e Márcio Borges, no apartamento deles, local também frequentado por Milton Nascimento, Beto Guedes e o pessoal do Clube da Esquina.

Gravou o primeiro compacto em 1964, com as músicas Eu sonhei que tu estavas tão linda e Prelúdio à volta. Seu primeiro LP tinha o curioso título de “Um show de noventa centímetros”, uma referência à sua estatura. O nome do LP não era inédito, já que Nelson apresentou um programa de televisão com esse nome em Belo Horizonte anteriormente.

O que irritou Nelson foi não só o nome do disco, mas a capa que tinha sua foto ao lado de uma fita métrica que media os 90 centímetros do título. Só que o título era uma "forçada de barra" da gravadora, já que Nelson media, naquele momento, 1 metro e 12 centímetros. Apesar de todo o esforço da gravadora em chamar a atenção do público, o disco não fez sucesso.

No mesmo ano ganhou o prêmio máximo no "1° Festival de La Canción", em Buenos Aires, Argentina, com a música Tudo passará (" ... mas tudo passa / tudo passará / e nada fica / nada ficará ... "). A partir daí, sua carreira internacional decolou, fazendo shows em diversos países da América Latina e do Norte.

A canção Será/ será fez sucesso em 1969 e Se eu pudesse conversar com Deus, em 1970. Nessa época, Nelson Ned já era conhecido como"o pequeno gigante da canção", apelido que carrega até hoje. Para as crianças, Nelson gravou Deus abençoe as crianças (" ... Deus abençoe as crianças / as crianças do Brasil / pra que elas tragam ao mundo / o amor que jamais existiu ... ").

Mas a carreira no exterior dava mostras de melhor reconhecimento de público e crítica do que em seu próprio país, onde insistiam em vê-lo como uma curiosidade pela sua altura e não pelas qualidades vocais e de compositor. Isso deprimia Nelson profundamente, e, não demorou muito, envolveu-se com drogas, bebidas e mulheres. Quanto mais sucesso Nelson alcançava, mais se afundava em vícios e más companhias. Até que na década de 1990 descobriu a religião e entregou-se de corpo e alma a Jesus. A partir daí, abandonou as drogas, a bebida e a vida mundana, dedicando-se fervorosamente a cantar a palavra de Deus em suas músicas. Nelson tornou-se um cantor gospel de sucesso. Esteve em programas de televisão expondo seu sofrimento e repulsa pelos anos de perdição, reafirmando sua fé.

Em sua carreira de sucesso vendeu mais de 32 milhões de discos e no exterior se apresentou várias vezes no Carnegie Hall e Madison Square Garden. Quantos artistas brasileiros tiveram essa oportunidade?

Em 2003, o cantor sofreu um acidente vascular cerebral. Desde então, vivia no Recanto São Camilo, na Granja Viana, em Cotia, sob a guarda e cuidados de Neuma. O AVC afetou sua parte vocal, assim como memória. Ned foi casado duas vezes e teve três filhos com Marly, sua segunda esposa: duas filhas, de 32 e 33 anos, e um filho, que mora no México.

Fontes: Livro "Almanaque da Música Brega", de Antonio Carlos Cabrera e Jornal "O Globo".

Para homenagearmos o pequeno grande cantor Nelson Ned, compartilhamos uma coletânea, já lançada em formato Compact Disc – CD, pela gravadora Copacabana Discos. Produzido por Paulo Rocco e arranjos de José Paulo Soares (Zezinho), Otavio Basso, Antonio Porto Filho (Portinho) e Elcio Alvares. Em minha opinião, nesta seleção constam as principais canções do artista, gravadas, nas décadas de 1960 e 1970. As músicas do disco são as seguintes:

1. Tudo passará;
2. Ninguém irá te amar mais do que eu;
3. Meu ciúme;
4. Daria tudo pra você estar aqui;
5. Que pena, que pena;
6. Esquece coração esquece;
7. Se as flores pudessem falar;
8. Domingo a tarde;
9. Deus abençoe as crianças;
10. A canção que dedico a você;
11. Antes que seja tarde;
12. Eu também sou sentimental.

















Links: 

7 comentários:

  1. Bela homenagem de sua parte,Hedson,realmente,Nelson Ned era mais considerado no exterior,do que em sua patria natal,Moacir Franco,declarou no velório,que para a mídia brasileira,ele não passava de um anão de circo,e seu reconhecimento,dava se fora do Brasil,e parabéns por voce continuar a fazer postagens desse naipe,um grande abraço do Silvestre.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Silvestre
      Valeu....não poderíamos ficar omissos.
      Um grande abraço
      Hedson LaPlaya

      Excluir
  2. Homenagem a um vagabundo que tentou matar sua própria mulher.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Você tem o direito de opinar. Entretanto, seria conveniente e correto que se identificasse e explicasse os motivos, pois assim como eu, muita gente não sabe dessa história.
      Outro aspecto que quero destacar é que homenageamos o artista Nelson Ned e não necessariamente a pessoa. Certamente, para quem foi viciado, alcoólatra e vivenciou crises, santo não foi.
      Hedson LaPlaya

      Excluir
  3. O anonimato é a arma do covarde, literalmente!

    ResponderExcluir
  4. O individuo que falou que Nelso Ned era"vagabundo', não tem noção do que diz. LEitores, NElso n Ned assim como muitos seres humanos, teve falahs em vida.Quem nunca pecou ?Quem nunca cometeu um deslize? hiprocrita!!Tira o a trave ou argueiro do teu olho e olhas para o do irmão ..Agora tem um detalhe.A biblia diz que " aquele que confessa SEUS PECADOS EM VIDA ,alcança misericordia." Nelson Ned, se arrependeu e pediu perdão e Jesus jogou o passado no oceano Nao ha mais divida a ser paga.Jesus tomou sobre si nosso s pecadoe e fez pecado por nõs. E voce, acusador. ?? Já confessou aquele teu erro escondido diante de JEsus??

    ResponderExcluir
  5. O individuo que falou que Nelso Ned era"vagabundo', não tem noção do que diz. LEitores, NElso n Ned assim como muitos seres humanos, teve falahs em vida.Quem nunca pecou ?Quem nunca cometeu um deslize? hiprocrita!!Tira o a trave ou argueiro do teu olho e olhas para o do irmão ..Agora tem um detalhe.A biblia diz que " aquele que confessa SEUS PECADOS EM VIDA ,alcança misericordia." Nelson Ned, se arrependeu e pediu perdão e Jesus jogou o passado no oceano Nao ha mais divida a ser paga.Jesus tomou sobre si nosso s pecadoe e fez pecado por nõs. E voce, acusador. ?? Já confessou aquele teu erro escondido diante de JEsus??

    ResponderExcluir